Rosatom apoia a Federação de Ginástica Olímpica do Rio de Janeiro

 

A iniciativa visa fortalecer a prática do esporte no país.

Pelo segundo ano consecutivo, a Rosatom América Latina, escritório regional da Corporação Estatal Russa de Energia Atômica Rosatom, apoia a Federação de Ginástica do Estado do Rio de Janeiro (FGERJ), ajudando a fomentar o esporte no estado. 

O incentivo da Corporação segue ajudando na manutenção das atividades desenvolvidas na Arena Carioca 3, centro de treinamento da federação, permitindo que diferentes modalidades de ginástica sejam contempladas, como: ginástica artística feminina e masculina, ginástica de trampolim, rítmica e aeróbica.   

Tendo em vista uma sociedade mais afortunada, a Rosatom busca sempre apoiar iniciativas de cunho social nos países em que atua, incluindo o Brasil, onde tem escritório, no Rio de Janeiro. Apoiar instituições que fomentem a cultura, esportes e outras esferas sociais é um dos pilares da companhia. 

Segundo, contribuir para o desenvolvimento da sociedade brasileira, apoiando atividades sociais, esportivas e culturais, é um dos objetivos da Rosatom enquanto parceira responsável no Brasil.

“Apoiamos a Federação de Ginástica do Estado do Rio de Janeiro por ser uma instituição séria e que leva o esporte a todas as camadas sociais do país, desenvolvendo um excelente trabalho com atletas, profissionais de educação física, futuros árbitros, além de estudantes da rede pública de ensino. Nós acreditamos que juntos podemos inspirar jovens a se envolverem com a ginástica seja com fins profissionais ou como um estilo de vida saudável”, afirmou Ivan.

O presidente Bruno Chateaubriand ressalta a importância dessa parceria, pois a Rosatom arca com 100% dos custos do plantão médico da Arena e explica que, sem esse serviço disponível aos atletas, a arena não poderia ser utilizada.

Faça um comentário